domingo, 6 de setembro de 2015

Yardmaster Express e Sushi Go


Meus últimos posts foram só relatos de partidas de Imperial Assault e Memoir'44, dois jogos que apesar de estar curtindo bastante, principalmente o segundo, são bastante competitivos e complexos. Então, saindo um pouco dessa linha, para dar um descanso à mente, vou escrever sobre dois joguinhos rápidos e bem simples. Ambos são cardgames com mecânica de drafting e set collection, outra coisa que eles têm em comum é o visual super caprichado. São jogos para se divertir com os amigos sem muita preocupação sobre ganhar ou perder.

O tema de Yardmaster Express é trens. O Felipe comprou em Kickstarter desses da vida. As cartas são vagões com diferentes cores e números. O jogador inicial vai comprar uma determinada quantidade de cartas que vai depender o número de participantes da partida. Ele vai jogar uma e passar o restante para o próximo, que comprará uma carta para completar sua mão. Todos deverão sempre ter a mesma quantidade de cartas disponíveis para poder jogar.

O lance é as cartas jogadas devem ser combinadas por cor ou número, se nenhuma dessas duas condições puderem ser alcançadas, uma carta qualquer deverá ser jogada virada servido como coringa. Os números vão somar a pontuação direta, então quanto maior melhor. Mas as sequências de cores dão bônus, então pode valer mais apenas jogar uma carta de numeração menor para dar continuidade em uma sequência. Até porque só a maior de cada cor ganha os pontos extras. Em caso de empate, todos ganham.


A partida acaba quando a quantidade de cartas jogadas na mesa por cada participante for a mesma da mão. Todos vão somar os números de suas cartas e verificar quanto vagões possuem, os maiores de cada cor ganham um ponto de bônus para cada vagão que possuem. Em caso de empate, o vencedor será aquele que estiver mais distante do jogador inicial. Regrinha estranha essa, não? Achei que faltou criatividade.


Como é um jogo bem rápido, o manual sugere jogar duas vezes. Ele chama de variante estratégica. Na segunda partida, o jogador inicial passa para quem tiver marcado menos pontos e as cartas passam a rodar em sentido contrário. Uma outra variação sugerida é cada jogador começar com uma carta no início do jogo e só comprar uma nova no final do turno ao invés do início.

O jogo também vem com uma expansão - Caboose, para dar um pouco mais de desafio a quem o achar muito simples. São cartas com um objetivo a ser cumprido. Todos que conseguirem satisfazer ao que estiver descrito na carta ganham sua pontuação. Apenas uma carta desse tipo deve ficar aberta na mesa durante toda a partida. 


Sushi Go é uma espécie de mini 7 Wonders onde as cartas possuem desenhos extremamente fofos de comidas japonesas. Ele funciona em três turnos. A quantidade de cartas na mão dos jogadores vai depender de quantos forem os participantes. Simultaneamente, cada um vai escolher uma carta, revelar e passar o restante da mão para o jogador ao lado. Após cada término de turno será realizada uma contagem dos pontos, sendo todas as cartas descartadas para o início do próximo, que rodará no sentido contrário. Menos o Pudim que fica a partida toda na mesa, sendo acumulado de um turno para o outro, só sendo contabilizado no final. O jogador com mais Pudins ganha 6 pontos e o que tiver menos perde a mesma quantia. Ele também serve como critério de desempate.



Cada tipo de carta possui uma forma de pontuar diferente, mas a maioria das delas é de acordo com uma determinada quantidade acumulada (Dumpling, Sashimi e Tempura). O Maki Roll funciona parecido, mas as cartas têm valores diferentes, a pontuação é apenas para os dois jogadores que tiverem a maior soma. As cartas de Nigiri também possuem valores diferentes, mas elas são pontuadas de acordo com eles apenas. A carta de Wasabi multiplica o Nigiri jogado depois dela. Essa é sua única utilidade. Se ela for jogada e não for possível baixar um Nigiri depois durante o turno, ela não contará em nada na soma dos pontos. 



Uma carta muito útil para evitar esse problema é o Chopstick (Hashi). Se o jogador tiver uma carta dessa na mesa, na sua próxima jogada, ele baixa uma carta normalmente na mesa e quando todos abrirem as suas cartas, ele declara Sushi Go, jogando uma segunda carta e devolvendo Chopstick para a mão que será passada para outro jogador. Confesso que apesar de reconhecer a força dessa carta, eu tenho muito dificuldade para utilizá-la.


Sushi Go também possui uma expansão, na verdade mini ou promo, Soy Sauce (Shoyu). Eu não tenho, mas já joguei uma vez com ela e é bem simples. É apenas uma carta a mais que dá 4 pontos para o jogador que possua a maior variedade de cores.


São jogos para se divertir com os amigos sem compromisso. Eles são tão simples que o resumo das regras cabe em um único papel. Não sei se o Yardmaster Express seria um jogo que eu mesma compraria, apesar de ter achado bonito e divertido. O problema é que eu conheci ele depois de ter jogado Sushi Go, que é sensacional. É uma competição injusta e cruel. 


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário